Tamanhos de Camisinhas

Postado por Rabixo no dia 19-04-2013 | Categoria: Camisinha, Informação

0

Usar preservativos, atualmente, já virou costume nos valores da sociedade. Evitando as doenças sexualmente transmissíveis, bem como reduzindo as chances de engravidar, a camisinha é mais um dos produtos que ganha adaptações e requintes que agradam ao público.

Entretanto, uma boa camisinha deve ser fina, mas resistente, com preço acessível e instruções de uso claras na embalagem. Além disso, conhecer sobre os tamanhos existentes é fundamental na hora da escolha, adequando o produto ao uso correto. Envolve, assim, certa pesquisa e conhecimento do assunto, muitas vezes ignorado entre as pessoas.

No mercado brasileiro, as camisinhas têm um tamanho padrão – entre 16 e 19 centímetros de comprimento, 52 milímetros de largura, e espessura que varia de 0,06 a 0,09 milímetros – determinado pelo Inmetro. Em países da Europa e nos EUA, é possível encontrar camisinhas de tamanhos P, M e G. Mas, em geral, o tamanho padrão serve a todo mundo, pois o látex é um material muito elástico.

Além disso, analisar a espessura do produto é interessante. Quanto maior a espessura de uma camisinha de látex, maior a resistência, mas menor a sensibilidade que permitem ao homem. As camisinhas mais resistentes são recomendadas para a prática do sexo anal. As de menor espessura, desde que contenham o selo do Inmetro, são indicadas para o sexo vaginal ou sexo anal com boa lubrificação.

Pode-se, assim, escolher dentre vários modelos, com cores diferentes e as mais estranhas características que os preservativos vêm ganhando no decorrer dos tempos. Porém, é de fundamental importância saber o tamanho adequado do produto, evitando situações de desconforto e permitindo um encaixe perfeito no esquema chave-fechadura.

Faça seu comentário